segunda-feira, 28 de agosto de 2017

RELACIONAR E RACIOCINAR

Relacionamento ruim é o que mata, pois esse nos leva.
Mas nos deixando vivos, não existe relacionamento ruim.
Por mais sofrível que tenham sido, não foram ruins.
Nos deixam lições, já que lembranças a gente apaga até sem querer.
Nos ensinam o que não devemos aceitar, nunca mais.
Mostram faces de uma mesma pessoa durante um mesmo tempo.
O tempo que durou, sofrível ou não, mas que se aceitou.
Nos relacionamentos a gente fica porque quer.
Por seguir o coração ou por seguir a razão.
Raramente os dois ao mesmo tempo, o tempo que aceitou ficar.
Ninguém se acorrenta e pode sair a hora que quiser.
Ninguém é acorrentado é pode deixar se quiser.
Tem que durar enquanto é bom e ser bom enquanto durar.
Se não for assim, é sofrimento e não relacionamento.
Não precisa ter um anel, mas um elo.
Não precisa de um papel, mas estar escrito nas estrelas.
Não precisa de testemunhas, só de um par.
O relacionamento bom existe, quando resiste.
As intempéries do dia a dia a dois, a três, a quatro, ou quantos filhos vier.
E quando não resiste, nem por isso deixou de ser bom.
Ensinou, fortaleceu, semeou e terminou.
Te enverga, mas não te quebra.
A não ser que sejamos fracos.
Que amamos mais num relacionamento do que a nós mesmos.
Que dedicamos o amor próprio a terceiros.
Sem sequer termos a certeza de que recebemos o mesmo.
Relacionamento não é ruim, pelo contrário.
Só precisamos ter em mente que pode não ser eterno.
Façamos apenas que seja duradouro.
E que seja bom enquanto dure.
Senão... Guarde as boas lembranças num canto do coração.
Porque as ruins, assim como o nosso próprio corpo cicatriza as feridas físicas.
O tempo cicatriza as emocionais.
Não carregue o ruim deles, carregue a bagagem.
Não alimente inimigos deles, só se distancie, se for para o seu bem.
Mas as vezes é preciso ter por perto, dos filhos.
Então que sejamos ótimos amigos.
Um relacionamento pode não ter acabado por tropeço de ninguém.
Apenas durou pelo tempo que teve que durar.
Seja pra nos realizar ou pra nos ensinar.
Assim como uma vida, que pode ter sido breve ou centenária.
Viveu-se o tempo que Deus deu pra viver, pra cumprir uma missão.
O forte sabe, que até na dor se aprende.
Enquanto a gente não morrer, todo relacionamento é bom.
Então...  Só é ruim mesmo, o relacionamento que mata.

Nenhum comentário: